top of page
  • Foto do escritorSergio Panizza

A Cannabis medicinal em minha jornada de cura - Samara Vanini

Atualizado: 13 de mar. de 2023

Relato de Samara Vanini concedido para o Dr. Sergio Panizza(fitoterapia.com.br).


Olá bom dia, tudo bem com todos vocês?


Quem tiver paciência para ler, um resumo da nossa luta diária.


Uma honra poder dividir minha história com vocês. Sou uma buscadora de cura desde que me conheço por gente, pois meu corpo não funcionava muito bem.


Vendo o quanto a medicina cartesiana era falha em relação a cuidar da minha saúde. Eu e minha família sempre fomos em busca de alternativas, desde de cromoterapia, fitoterápicos, aromoterapia, águas termais, dietas, chás, religiões, benzedeiras, meditações, projeções astral, psicoterapia, terapias, dança, musicoterapia, natação, hidroterapia, fisioterapia, orteses, imobilizações, médicos convencionais à médicos da MTC, shamans, medicinas da florestas, drogas que possibilitam alívio e soluções momentâneas, hospitalizações, cirurgia, até andar com shot rápido de adrenalina para reverter possível paradas respiratórias devido a alergias severas! Sempre estudiosa de biologia, do o corpo em si, e fenômenos sobrenaturais, estudava patologias e alterações fisiológicas desde a infância, eu sempre soube no fundo que havia algo de muito errado e diferente comigo.


Com muita raiva da medicina por não conseguirem me ajudar e aliviar meus sintomas diários, e amante de estudar o corpo, fisiologia, anatomia, medicamentos, cuidados, acabei entrando no 1. Curso de enfermagem na Faculdade de Medicina de Jundiaí. E em paralelo estudando as medicinas alternativas, complementares, integrativas, nutrição, curativos, física quântica, até meu trabalho de conclusão foi sobre física quântica e a mudança do estado físico por uma técnica chamada Toque Terapêutico de NY, a única técnica de imposição de mãos autorizada a ser usada dentro dos hospitais por enfermeiros por ter comprovação científica ao nível de reduzir 1/3 de tempo a regeneração de um osso quebrado, a diminuir 80% das náuseas em pacientes usando quimioterapia.


Nessa época, 2005, já atendia domiciliar e nos hospitais acelerando a regeneração das pessoas. Eu sempre indignada com o sistema público e privado de saúde, me mudei para o Canada, acreditando que veria um mundo diferente. Me tornei Registered Nurse, enfermeira registrada na província de Ontário, mas minhas condições de saúde só pioravam, principalmente durante e pós os invernos rigorosos que peguei. Até que no dia 08/03/2009 as dores excruciantes da paralisia intestinal e obstrução ileal de 40cm do intestino me levaram a passar 6 meses vomitando em torno de 20x por dia, foram 6 meses até diagnóstico de Sd de Crohn feito pela Dra Angelita Gama no Hospital Oswaldo Cruz, pois ninguém conseguia descobrir o que estava de errado comigo, nem no Canadá por 2 meses, nem internada 1 mês, onde foi praticamente um sequestro onde deram o diagnóstico exdrúxulo de bulimia, mesmo com alterações dos exames laboratoriais e imagens, os médicos continuavam a dizer que eu não tinha nada.


Comecei o uso do óleo integral de cannabis 2009 no Canadá por indicação médica, para as náuseas, e realmente é um remédio extremamente poderoso na minha vida, nessa época pouco tinha de informações fáceis, li alguns livros e comecei a fazer meu óleo e meu cultivo e junto com mais mil mudanças de vida, mais dietas restritivas, e mais busca de cura que era eminente, pois minha saúde estava realmente comprometida.


Em 2011 estava pesando entre 37-41 kg dependendo das crises, e tenho 1,64, estava com paralisias dos intestinos, falência do rim direito, complicações hepáticas por causa do imunossupressor após dois anos de uso. Nessa época achei mais 2 técnicas que realmente pareciam falar a minha lingua. A Bioressonância e o Sistema Bodytalk, sendo os dois quânticos, mergulhei em estudar, e com essas técnicas consegui reverter muitos problemas de saúde.


Junto disso ainda enfrentava duas feridas que não cicatrizavam e inventei um curativo para poder dar conta de controlar a dor, estimular a formação de tecido, e estimular um ambiente mais ideal para a cicatrização por segunda intensão, com isso adentrei para a IIWCC, Internacional Interprofessional Wound Care Course, o melhor curso de cuidado de feridas do mundo, na Universidade de Toronto. Só que após uma crise muito complexa vascular onde “morri e voltei” decidi voltar para o Brasil por acreditar que era um melhor clima para a minha saúde, e não teria que dar o trabalho a minha família se morresse no Canadá, e voltei sonhando que iria morar na praia. Rs!


Acabei por abrir um espaço em Jundiaí e fiquei lá 4 anos. Nesse período consegui sempre usando as técnicas para ter qualidade de vida e ajudar as pessoas a conquistarem qualidade de vida, reverter processos patológicos severos, harmonizar e equilibrar o corpo físico, mental, emocional e frequêncial, muitos conseguirem apagar dores de forma mágica, reduzirem inflamações, reverti alguns casos graves e complexos usando a medicina quântica e o olhar que a minha própria experiência de vida gerou nessa busca de ter uma vida sem sintomas ou que se resolvessem extremamente rápido para poder voltar a viver com qualidade de vida.


Depois que estabilizei com uma quantidade de pacientes on-line pelo Brasil e pelo mundo. Mudei para a praia para abrir um espaço onde teria estrutura para reconectar as pessoas a natureza, sonhava em ter disponível tudo que fosse possível para reverter doenças em Saúde, fazer um polo de reversão dos desequilíbrios físicos, emocionais, mentais.


Nessa jornada de conquistar de tanta saúde, inclusive com a ajuda do Sr Prof Panizza, eu engravidei e de gêmeos em 2018, já tinha tido vários abortos espontâneos. Só que a gestação além de extremamente complexa, perigosa com repouso quase que absoluto por 5 meses e graças a muitos milagres conseguimos sobreviver. Pois sabendo do que descobri após o nascimento deles, os médicos teriam indicado a interrupção da gravidez logo no primeiro trimestre.


Eles nasceram, e começaram a apresentar muitos sintomas diários e similares a mim, como hematomas pelo corpo todo, pele macia, translúcida, diarreias, vômitos, alergias severas, dermatites severas, dores, frouxidão ligamentar de todas as articulações. Os gêmeos estavam com 7 meses e eu com mil sintomas da sobrecarga de tudo, percebi que ninguém tinha descoberto meu diagnóstico que teria resolvido tantas situações difíceis que passei sozinha sem auxílio, e sem a correta assistência.


Em 2 dias de brainstorm, e em 4 horas na internet olhando sobre as colagenoses, descobri que sofria da Sindrome de Ehlers Danlos, não sabia ainda o subtipo. Fui a geneticista e fizemos o exoma, nos três substituímos o aminoácido histidina no códon 706 pelo aminoácido arginina, que caracteriza-se pela ocorrência de pele friável e hiperextensivel, cicatrizes atróficas, frouxidão ligamental, hipotonia muscular grave ao nascimento, escoliose progressiva, presente já ao nascimento ou no primeiro ano de vida, e fragilidade da esclera ocular, sendo Sd de Ehlers Danlos VI, está descrita apenas em 123.000 habitantes mundiais, cá estão mais 3! A geneticista fez o diagnóstico clínico para a SED vascular a mais severa de todas as SEDs.


Para terem noção do nível do sofrimento eu consigo deslocar a clavícula dormindo, e se fosse só a clavícula estava tudo bem não é mesmo!?


Os órgãos não funcionam direito, podem se deslocar, param de funcionar, podemos ter e quase já tive rupturas de órgãos e de vasos importantes. Enfim, aí começou uma batalha para dar tratamento para o Iam e a Crystal que além da sofrerem da SEDVI, são autistas nível 3 de suporte, eram não verbais, e estamos revertendo com PEA palmitoiletolamida de uma forma incrível e cada sessão de atendimento quântico saltos de melhoras.


A luta da cannabis é surreal, conseguimos o terceiro HC livre sem limite de plantas e sem validade, mas são inúmeras dificuldades. Depois julgado como não crime, e estou sem HC, pois falaram que eu tinha que pedir para Anvisa a liberação. Por dois anos tentei a liberação do canabidiol pela farmácia de alto custo de Bertioga e só agora estão para liberar um ano de canabidiol de forma contínua, após um terrível erro deles que levou a falta de fornecimento da farmácia de alto custo em setembro de 2022 e Iam teve uma convulsão severa devido a pneumonias recorrentes e teve que ser ressuscitado por três minutos agora em 26 de Outubro, 2022.


Estou na busca de ter tempo para escrever meu livro e de ter um canal para poder dividir o que eu faço e e ensinar essa nova forma de olhar o que não é visível. Pois o resultado acelerado e extremamente poderoso que a medicina quântica proporciona em regenerar, alinhar, sincronizar e gerar equilíbrio do nosso ser a experiência e ao ambiente, não tem igual.


Me coloco à disposição com as ferramentas que disponho para o bem e tudo que posso trazer de harmonia a nos seres humanos e ao ambiente.


Namaste.


Samara Vanini

Medicina e Saúde


Para maiores informações entre em contato: sergio@panizza.com.br

60 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page